Hospital Brasil
Notícias
Coloque mais verde na sua vida

Não é lazer, mas traz alegria e você nem percebe a hora passar enquanto dedica-se à atividade. Não é arte, mas produz belos efeitos decorativos. Não é esporte, mas estimula exercícios saudáveis ao ar livre. Não é religião, mas, com certeza, eleva e aprofunda o espírito. O cultivo de plantas pode ter significados diferentes para cada pessoa. Quem é apaixonado por jardinagem sabe o bem que o contato com a natureza proporciona. Mesmo fechado entre quatro paredes em casa ou no apartamento todo mundo pode abrir um espaço para o verde, no meio da paisagem cinza da cidade. O Vide Bula traz dicas para quem quer começar a cultivar plantas ornamentais e flores ou até montar uma mini horta. Espaço para o verde - Quem mora em apartamento ou tem pouco espaço dentro de casa deve optar pelas espécies de meia sombra(que não necessitam longos períodos de exposição ao sol) como palmeira rafis, chamaedora, filodendros e jibóias. As orquídeas são uma boa opção, desde que fiquem em local com iluminação, mesmo sem sol direto. Se optar por cultivar plantas em vasos, observe se apresenta boa drenagem, para o escoamento do excesso de água. O solo para o cultivo deve ser rico em matéria orgânica e com uma boa aeração. Os locais muito quentes devem ser evitados, da mesma forma que locais mais frios. As plantas mais cultivadas em apartamentos desenvolvem-se melhor em temperaturas entre 20 e 25ºC. Além desses cuidados, devemos manter as plantas livres de doenças, fungos e parasitas e, ainda, manter os vasos limpos, retirando galhos, folhas e flores mortas e, por último, efetuar podas sempre que necessário. Horta em casa – Um dos maiores benefícios de ter uma horta em casa é saber que sua família consumirá alimentos orgânicos cultivados com todo carinho pelas suas próprias mãos. A horta pode ser montada em um cantinho do quintal ou na varanda do apartamento que pega sol pelo menos algumas horas do dia ou até mesmo em vasos ou jardineiras. Uma boa maneira de começar é cultivar temperos como cebolinha, menta, salsa, tomilho, sálvia, coentro, etc. em vasinhos na cozinha. O solo ideal é 1/3 de terra boa, 1/3 de areia e 1/3 de composto orgânico (se você não puder fazer o composto em casa, é possível adquirir pronto, em lojas de produtos agropecuários). Não devem ser plantadas mais de duas mudas por vaso. Os vasos devem ser expostos ao sol pelo menos 5 horas por dia e mantidos em local arejado. Em pequenos cantos do seu jardim, é possível plantar hortaliças, como couve, jiló, chuchu, alface, pimenta e pimentão. É importante levar em conta a época de cultivo de cada hortaliça e a forma como se vai realizar o plantio. Quando usar mudas, lembre-se de fincar estacas para auxiliar o crescimento vertical, especialmente no caso dos tomates. Quando usar sementes, siga as instruções da embalagem. A vantagem de cultivar em casa é que o sabor será bem diferente dos vegetais e legumes comprados no supermercado e serão mais saudáveis, porque estarão livres de agrotóxicos. Em hortas pequenas, as pragas podem ser combatidas de forma natural, com o uso de casca de ovo, fumo de rolo e até uma espécie de spray de cebolinha batida, que tem um cheiro muito forte e espanta os insetos.

» Veja mais notícias.
Rua Cel. Fernando Prestes, 1.177 - Santo André - SP - PABX: (11) 2127 6666
Marcação de consultas: (11) 2666-0333

Conheça os outros hospitais do grupo Rede D´Or


© 2002-2007 - Hospital e Maternidad
Conmhe e Brasil. Todos os direitos reservados.
Criação de Sites PYPE