Hospital Brasil
Notícias
FRAQUEZA, DESÂNIMO, PALIDEZ, CANSAÇO... Fique atento, podem ser sinais de Anemia

Nesta edição, o Vide Bula conversou com duas médicas hematologistas do Hospital e Maternidade Brasil, Dra. Elaine Mazará e Dra. Nadjanara Dorna Bueno, para desvendar alguns mitos acerca da anemia. E por falar nisso, vamos iniciar desmistificando uma questão importante: anemia não se transforma em leucemia! Se você já ouviu falar nisso, está na hora de tirar essa ideia da cabeça. A seguir, saiba o que é, quais os sintomas e o tratamento da anemia.

O que é anemia?

A anemia se caracteriza quando o nível de hemoglobina (pigmento vermelho presente no glóbulo vermelho, responsável pelo transporte de oxigênio) está abaixo do normal para a idade e sexo do paciente.“Ela pode ser aguda ou crônica. A aguda ocorre quando a pessoa tem uma perda sanguínea importante ou por destruição dos glóbulos vermelhos; os sintomas são mais importantes, já que o organismo do paciente não está acostumado a trabalhar com aquele nível de hemoglobina.

A crônica ocorre quando a instalação da anemia é mais lenta, é a forma mais comum e a pessoa vai se adaptando à lenta diminuição da hemoglobina”, explica a Dra. Elaine Mazará.Sintomas e causas Os sintomas ocorrem de forma progressiva: fraqueza, desânimo, palidez, dor nas panturrilhas aos esforços, palpitações, falta de ar aos esforços até insuficiência cardíaca (em casos graves).

“O diagnóstico é feito por meio de exame laboratorial de sangue. Alguns tipos de anemias genéticas, tais como Anemia Falciforme e Hemoglobinopatia C, hoje em dia são detectadas no teste do pezinho, feito no bebê recém-nascido”, comenta a Dra. Nadjanara Dorna Bueno.Na infância, a principal causa de anemia é o erro alimentar.O leite não fornece ferro suficiente após o 6º mês de vida, por isso,outros alimentos ricos em ferro devem ser introduzidos na alimentação da criança.

As principais fontes de ferro são as carnes,principalmente vermelhas, feijão e verduras verde escuras (conforme matéria da página 06).Na mulher, a principal causa é o aumento do fluxo menstrual e a gravidez. No homem adulto, a principal causa é a perda gastrointestinal. No idoso a anemia deve sempre ser investigada devido ao aumento da incidência de câncer e problemas de medula óssea.

Como é feito o tratamento?

O tratamento depende da causa. A anemia mais frequente na população mundial é a ferropriva, ou seja, por deficiência de ferro, portanto, sendo necessário manter sempre uma boa alimentação. Além disso, tratar as perdas sanguíneas, as verminoses (em crianças) e reposição de ferro conforme orientação do médico hematologista.Para finalizar, as médicas alertam: “Procure sempre um médico hematologista se a anemia que você vem tratando há algum tempo não está sendo corrigida”.

» Veja mais notícias.
Rua Cel. Fernando Prestes, 1.177 - Santo André - SP - PABX: (11) 2127 6666
Marcação de consultas: (11) 2666-0333

Conheça os outros hospitais do grupo Rede D´Or


© 2002-2007 - Hospital e Maternidad
Conmhe e Brasil. Todos os direitos reservados.
Criação de Sites PYPE