Hospital Brasil
Notícias
Entenda o que é a influenza A

A A influenza A subtipo H1N1, chamada anteriormente de gripe suína, é uma doença respiratória aguda altamente
contagiosa causada por uma das mutações do vírus Influenza A. Ela foi diagnosticada pela primeira vez
em abril de 2009 no México e até agora a maioria das ocorrências da doença são de lá, embora já tenha se espalhado por
várias partes do mundo.

O contágio entre as pessoas se dá pelo ar por meio de gotículas de saliva ao falar, espirrar ou tossir, contato direto de pessoa a pessoa ou contato indireto ao tocarmos em superfícies contaminadas.

Quais os sintomas?

Os sintomas da Influenza A (H1N1) são parecidos com os sintomas da gripe comum. A pessoa afetada pode ter início repentino de febre alta associada à tosse, dores musculares e nas articulações, dor de cabeça, coriza, garganta inflamada, calafrios e às vezes vômitos e diarreia.

Como evitar?

De acordo com a médica infectologista do Hospital e Maternidade Brasil, Dra. Eloisa Ayub, ainda não há vacina contra a Influenza A (H1N1) para humanos e se sabe que a vacina da gripe comum não ajuda a diminuir o risco de aquisição da influenza A(H1N1). A Organização Mundial da Saúde (OMS) acredita que em torno de cinco ou seis meses ela estará disponível. Não há problemas em ingerir carne de porco ou produtos derivados dela.

“Para a proteção pessoal devem ser utilizadas algumas medidas preventivas, como por exemplo, evitar contato íntimo com pessoas que estejam apresentando sintomas de gripe (febre ou tosse); lavar as mãos com água e sabão sempre que necessário; se houver uma pessoa doente na mesma casa, deixar um aposento separado para o doente, mas se isso não for possível,manter o ambiente arejado; usar máscara se estiver doente ou ao entrar em contato com a pessoa doente”,recomenda a Dra. Eloisa.

De que forma o paciente é tratado?

O doente deverá ficar afastado do trabalho ou escola e evitar locais com acúmulo de pessoas durante a doença. Deverá permanecer em repouso e manter boa hidratação. A medicação específica contra a gripe só deve ser prescrita por médicos em hospitais de referência para atendimento dos casos de gripe A (H1N1), evitando-se a automedicação, o que pode favorecer a resistência do vírus ao tratamento.

Como o médico faz o diagnóstico?

O diagnóstico é feito com base nos sintomas e sinais da doença associado ao relato de passagem da pessoa por área de risco ou
contato com alguém que esteve em área de risco e por meio de teste diagnóstico específico que identifica anticorpos ao vírus.

» Veja mais notícias.
Rua Cel. Fernando Prestes, 1.177 - Santo André - SP - PABX: (11) 2127 6666
Marcação de consultas: (11) 2666-0333

Conheça os outros hospitais do grupo Rede D´Or


© 2002-2007 - Hospital e Maternidad
Conmhe e Brasil. Todos os direitos reservados.
Criação de Sites PYPE